Rio pára com a chuva

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Rio pára com a chuva

Mensagem por Vinicius_SG_RJ em Qui 22 Jan 2009 - 2:36

Rio pára com a chuva 

Engarrafamentos quilométricos transformaram cidade num caos. Sete bairros ficaram sem luz 

Rio - A chuva que caiu durante quase todo o dia de ontem provocou alagamentos e engarrafamentos quilométricos na cidade. Os bairros mais atingidos foram Tijuca, Vila Isabel e Maracanã, onde o Rio Maracanã transbordou. Quem trabalha no Centro e tentava voltar para casa levou até três horas além do usual. Pelo menos sete bairros do Rio e áreas de quatro municípios do Interior e da Baixada ficaram sem luz no fim do dia.

O aguaceiro trouxe de volta a desordem à cidade. O taxista Afonso Dutra, 33, levou três horas para dirigir da Praça Mauá até a Praça da Cruz Vermelha. “Não tinha um guarda municipal para orientar o trânsito. Por acaso eles não gostam de pegar chuva?”, ironizou. A mesma queixa era feita por outros motoristas que enfrentaram os congestionamentos.

A dona-de-casa Maria Cândida Martins, 72 anos, não conseguiu voltar do Centro para Vila Valqueire. “Fui fazer exame de coração e fiquei horas no ponto final do 260 (Praça 15-Vila Valqueire), mas não passava ônibus nenhum”, reclamou. Ela teve de passar a noite na casa da sobrinha, em Botafogo.

No fim da tarde, a SuperVia parou a circulação de trens no ramal de Saracuruna porque o Rio Faria Timbó inundou a via férrea. O metrô aumentou a frota, mas passageiros reclamaram de interrupções no serviço. A concessionária nega.

A chuva derrubou parte do teto e uma parede de uma igreja em Caxias. Em Meriti, moradores resgataram o corpo do menino Roger Jeferson Silvestre, 13 anos, que fora arrastado pela correnteza no Canal do Rio Sarapuí, onde mergulhara, quarta-feira. 

A cheia do Rio Maracanã causou reflexos no Boulevard 28 de Setembro, na Rua Teodoro da Silva, na Avenida Maracanã, no Elevado 31 de Março, no Viaduto Ana Neri e na Rua 24 de Maio. No início da noite, o nível do rio começou a baixar, mas a enchente ainda causava reflexos na Praça da Bandeira e na Avenida Brasil. Bolsões de água na Linha Vermelha também causaram lentidão.

Até o chefe do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), Luiz Carlos Austin, ficou mais de duas horas preso na Avenida Brasil, a caminho de casa, em Ramos. “Nunca demorei tanto. Estou ligando para colegas e avisando para que não saiam. O pior é que não tem policiamento aqui”, criticou.

Quem vinha da Região dos Lagos também penou. A estudante Luciana Oliveira, 25, não conseguiu voltar de Iguaba para o Rio: “Levamos duas horas para ir do São Gonçalo Shopping até o Carrefour e mais uma hora até a Ponte Rio-Niterói. Desistimos e ficamos em Niterói”.

Na Mangueira, uma barreira deslizou, destruindo parcialmente casa na Rua Simão Lobato 34 e derrubou parte do telhado do Cederj. Na Abolição, marquise na Avenida D. Hélder Câmara 7.500 caiu. Em nenhum dos casos houve feridos.

A chuva derrubou galhos de árvore sobre a rede da Light, causando apagões em ruas da Tijuca, Santa Teresa, São Conrado, Freguesia, Recreio, Bangu e Campo Grande. Faltou luz também em áreas de Nova Iguaçu, Paraíba do Sul, Paty do Alferes e Barra do Piraí. 

Segundo o Inmet, o bairro onde mais choveu foi Jacarepaguá: 80,6 milímetro, muito acima da média, de pouco mais de 30 mm. Até o fim de semana, a previsão é de mais chuva.

avatar
Vinicius_SG_RJ
Forista Avançado
Forista Avançado

Masculino Número de Mensagens : 299
Idade : 27
Localização (Cidade/UF) : São Gonçalo/Rio de Janeiro
Data de inscrição : 22/04/2008

Ver perfil do usuário http://forumevangelico2.forumeiros.com/index.htm

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum