Tempo da espera

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Tempo da espera

Mensagem por Quel25 em Sex 25 Abr 2008 - 1:27

TEMPO DA ESPERA
Romney Cruz

A ansiedade é uma angústia, um mal que nos destrói pouco a pouco. “Então Samuel tomou o chifre do azeite, e ungiu-o no meio de seus irmãos; e desde aquele dia em diante o Espírito do Senhor se apoderou de Davi; então Samuel se levantou, e voltou a Ramá” (1 Sm 16:13). A ansiedade é uma angústia, uma incerteza aflitiva, um mal que nos destrói pouco a pouco, dias após dia. Vemos no livro de primeiro Samuel o episódio da unção do jovem Davi a rei de Israel. Davi não alcançou o reinado de sal nação logo após sua unção, houve um tempo de espera, tempo este que não foi pequeno, muitos anos se passaram, muitas situações aconteceram na vida daquele jovem, até que ele chegasse ao lugar para o qual Deus o havia ungido. Deus, em sua eterna sabedoria e grandeza, projetou um propósito definido para cada um de nós. Não nascemos sem que já de antemão Deus tivesse em sua mente infinita um caminho perfeito para nós. Os anos passam, nossa vida se desenvolve e nós conhecemos ao Senhor. Muitos em sua adolescência, como Davi são ungidos para serem ministros de Deus. Recebem palavras proféticas e naquela direção sua vida começa a seguir. Começam a liderar trabalhos na casa do Senhor com os adolescentes, jovens, ministérios de música, etc... Muitos quando terminam os seus estudos no ensino médio, rapidamente se matriculam nas escolas teológicas e acham estar fazendo tudo certinho, que será apenas uma questão de cronômetro humano a conclusão do curso, que o levará ao lugar que Deus preparou para cada um. Mas nos enganamos, o tempo de Deus para nossa vida não é medido pela mente humana ou pelas circunstâncias preparatórias para o ministério. Todo preparo e estudo são válidos, mas não são eles que vão determinar o cumprimento do plano de Deus em nossa vida. Como vimos no texto de primeiro Samuel, Davi foi ungido na casa de seu pai Jessé. Após sua unção, situações começaram a acontecer, mas Davi guardou em seu coração a palavra de Deus que lhe fora dada através do profeta. Teve uma postura de esperança guardada em paz, e foi esta esperança em paz que o capacitou a esperar todos aqueles anos para que chegasse ao reinado de Israel. Quantas vezes nós recebemos palavras claras de Deus, e após isso começamos a mexer “nossos pauzinhos” para que a profecia se cumpra em nossa vida.
Amados, o tempo da espera é um tempo maravilhoso. É tempo de deixarmos Deus agir endireitando nossa vereda. Não devemos estar ansiosos, procurarmos lugares ou situações nas quais possamos dar uma “forcinha” para Deus. Ele não precisa da nossa mão para estabelecer em nossa vida aquilo que Ele preparou para nós em Sua eternidade. Deus precisa apenas do nosso coração contrito em sua presença, esperando em fé. O que Deus prometeu para sua vida isso Ele cumprirá. “Tendo por certo isto mesmo, que aquele que em vós começou a boa obra a aperfeiçoará até ao dia de Jesus Cristo” (Fp 1:6). Não desprezemos o tempo da espera. Se hoje você está apenas sentado no banco de sua igreja... esperando, não desanime. Analise todas as situações de sua vida, pois em cada uma delas Deus o está ensinando para algo que vai chegar em suas mãos, e nunca mais será tirado. Pois ele não quer dar a você uma circunstância, mas sim um ministério que não depende de lugar ou momento. Lembre-se: o sonho, antes de ser seu, é dele. Sábio você será se discernir o tempo e o modo de tudo acontecer. Deus nos abençoe nesse maravilhoso tempo de espera.

Quel25
Moderador
Moderador

Feminino Número de Mensagens : 1156
Idade : 34
Localização (Cidade/UF) : Maringá/PR/Brasil
Data de inscrição : 25/03/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Tempo da espera

Mensagem por gabii em Seg 12 Maio 2008 - 19:58

como já tinnha postado no tópico que fala sobre a ansiedade eu repito...a ansiedade no coração do homem o abate , mas uma boa palavra o alegra. (Pv.12:25)
temos que lançar sobre ele toda nossa ansiedade
lançando sobre ele toda vossa ansiedade ,por que ele tem cuidado de vós. (1 pedro 5:7)
como fez Abraão em Genesis 15:1-6.

esperar é bom! porque no tempo de Deus tudo funciona!
e não ceder as pressoes!

porque os que confiam no Senhor são como montes em Sião que não se abalam mas permanecem para sempre!!

aliás, a ansiedade/inquietação/preocupação envelhece!

não fique como o povo de Israel inquietos, ansiosos e preocupados (Ex.17:1-7)

Deus não esquece dos seus, pra que andar ansioso(a)??? (Ex.3:6-10)

gabii
Forista Golden
Forista Golden

Feminino Número de Mensagens : 1060
Idade : 23
Localização (Cidade/UF) : niteroi rj
Data de inscrição : 22/03/2008

Ver perfil do usuário http://www.assembleiadossantos.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Tempo da espera

Mensagem por Tiago Sertório em Sex 16 Maio 2008 - 14:35

Uma mensagem sobre ansiedade:
ANSIEDADE





“Alegrai-vos sempre no Senhor outra vez digo, alegrai-vos”. (Filipenses 4.4)

Todas as pessoas almejam a alegria e rejeitam a tristeza. Para ser alegre e não sofrer é preciso não ter nenhum fardo pesado. Segundo o registro da Bíblia, há dois tipos de fardo: o dos pecados e o da ansiedade. Se o problema dos pecados não for resolvido, será impossível haver alegria. Se o problema da ansiedade não for solucionado, também não haverá alegria. Se o problema do fardo dos pecados for resolvido e o da ansiedade permanecer, a alegria alcançada será incompleta. Para ser feliz, o homem precisa resolver tanto o problema do fardo dos pecados quanto o da ansiedade.

“Seja a vossa moderação conhecida de todos os homens. Perto está o Senhor.

Não andeis ansiosos de coisa alguma em tudo, porém sejam conhecidas diante de Deus as vossas petições, pela oração e pela súplica, com ações de graças” (Filipenses 4.5:6).

Este versículo diz que não devemos ficar ansiosos com nada. Já que o Senhor está perto, devemos alegrar-nos já que Ele está perto, não devemos ficar ansiosos por coisa alguma.

Todos nós acreditamos que há muitas justificativas para se ficar ansioso, mas Deus não admite sequer uma única razão para a nossa ansiedade. Toda ansiedade é sem motivo, por isso Deus nos instrui: “Não andeis ansiosos de coisa alguma”.

Podemos argumentar que nossa subsistência, nossos problemas familiares e nossas dificuldades pessoais são preocupações legítimas que geram ansiedade mas a Bìblia diz “Não andeis ansiosos de coisa alguma”. Portanto, nenhuma ansiedade é legítima nem uma sequer é permitida por Deus. Ele proíbe toda ansiedade. Muitos acham que devem preocupar-se com isto, ficar ansiosos por aquilo, supondo que ficar ansioso seja uma espécie de dever. Alguns acham que podem parar de se preocupar com tudo, menos com aquele pequeno detalhe. Será que é mesmo verdade que não devemos ter nem mesmo uma única ansiedade?

Sim, é verdade não devemos ter nem mesmo uma preocupação. Por quê? Porque “perto está o Senhor”. Se nos preocuparmos, isso indica que não confiamos no coração nem na promessa do Senhor. Se Ele está perto e ainda estamos ansiosos, nós estamos duvidando do poder da Sua mão e da bondade do Seu coração. A razão da nossa ansiedade é que não percebemos que o Senhor está perto.

Como podemos ficar livres da anisedade, de uma maneira prática? “Em tudo, porém sejam conhecidas diante de Deus as vossas petições, pela oração e pela súplica, com ações de graças”.

Atenção: há um “porém”! Se seguirmos esse “porém”, tudo estará bem. Quer estejamos sentados, deitados ou andando, podemos fazer o que este versículo nos ensina. Fazer o quê? Falar com Deus de três maneiras: a primeira maneira é a oração a segunda é a súplica, quando fazemos petições específicas, provenientes do nosso coração, para necessidades específicas e a terceira maneira são as ações de graças pelas petições que fazemos diante de Deus.

Enfim, devemos tornar tudo conhecido de Deus através destas três formas. Entretanto, nós não agimos assim se estamos cheios de ansiedade e carentes de alegria.

Como seria bom se colocássemos tudo o que enfrentamos, item por item, nas mãos de Deus! Mas se não agirmos assim, quando surgir a primeira dificuldade, nós a colocaremos sobre nós mesmos. Depois, virão a segunda e a terceira dificuldade e nós também as colocaremos sobre nós. É assim que o fardo vai ficando cada vez mais pesado e nós vamos ficando cada vez menos alegres.

A saída é “Em tudo, porém sejam conhecidas diante de Deus as vossas petições...” Por sermos cristãos, temos esta saída, porque temos o Senhor por perto! Orar é um privilégio do cristão. Nós podemos orar por grandes coisas ou por pequenas coisas, podemos orar por tudo! Podemos clamar por tudo que justifica nossa ansiedade e por tudo que pode causar em nós qualquer preocupação.

Podemos viver livres de todas ansiedade, mas não porque somos naturalmente otimistas, nem porque somos pessoas sem objetivos, que não têm encargo por nada. Somos livres da ansiedade porque temos Aquele em quem podemos confiar, e que carrega todo nosso fardo. É somente por isso que não ficaremos ansiosos de coisa alguma: porque a oração é nossa saída nosso Deus é a nossa saída!




Autor: Watchman Nee

Tiago Sertório
Sou Iniciante
Sou Iniciante

Masculino Número de Mensagens : 8
Idade : 25
Localização (Cidade/UF) : Campinas - SP
Data de inscrição : 22/04/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Tempo da espera

Mensagem por gabii em Seg 19 Maio 2008 - 21:21

Tiago Sertório escreveu:Uma mensagem sobre ansiedade:
ANSIEDADE





“Alegrai-vos sempre no Senhor outra vez digo, alegrai-vos”. (Filipenses 4.4)

Todas as pessoas almejam a alegria e rejeitam a tristeza. Para ser alegre e não sofrer é preciso não ter nenhum fardo pesado. Segundo o registro da Bíblia, há dois tipos de fardo: o dos pecados e o da ansiedade. Se o problema dos pecados não for resolvido, será impossível haver alegria. Se o problema da ansiedade não for solucionado, também não haverá alegria. Se o problema do fardo dos pecados for resolvido e o da ansiedade permanecer, a alegria alcançada será incompleta. Para ser feliz, o homem precisa resolver tanto o problema do fardo dos pecados quanto o da ansiedade.

“Seja a vossa moderação conhecida de todos os homens. Perto está o Senhor.

Não andeis ansiosos de coisa alguma em tudo, porém sejam conhecidas diante de Deus as vossas petições, pela oração e pela súplica, com ações de graças” (Filipenses 4.5:6).

Este versículo diz que não devemos ficar ansiosos com nada. Já que o Senhor está perto, devemos alegrar-nos já que Ele está perto, não devemos ficar ansiosos por coisa alguma.

Todos nós acreditamos que há muitas justificativas para se ficar ansioso, mas Deus não admite sequer uma única razão para a nossa ansiedade. Toda ansiedade é sem motivo, por isso Deus nos instrui: “Não andeis ansiosos de coisa alguma”.

Podemos argumentar que nossa subsistência, nossos problemas familiares e nossas dificuldades pessoais são preocupações legítimas que geram ansiedade mas a Bìblia diz “Não andeis ansiosos de coisa alguma”. Portanto, nenhuma ansiedade é legítima nem uma sequer é permitida por Deus. Ele proíbe toda ansiedade. Muitos acham que devem preocupar-se com isto, ficar ansiosos por aquilo, supondo que ficar ansioso seja uma espécie de dever. Alguns acham que podem parar de se preocupar com tudo, menos com aquele pequeno detalhe. Será que é mesmo verdade que não devemos ter nem mesmo uma única ansiedade?

Sim, é verdade não devemos ter nem mesmo uma preocupação. Por quê? Porque “perto está o Senhor”. Se nos preocuparmos, isso indica que não confiamos no coração nem na promessa do Senhor. Se Ele está perto e ainda estamos ansiosos, nós estamos duvidando do poder da Sua mão e da bondade do Seu coração. A razão da nossa ansiedade é que não percebemos que o Senhor está perto.

Como podemos ficar livres da anisedade, de uma maneira prática? “Em tudo, porém sejam conhecidas diante de Deus as vossas petições, pela oração e pela súplica, com ações de graças”.

Atenção: há um “porém”! Se seguirmos esse “porém”, tudo estará bem. Quer estejamos sentados, deitados ou andando, podemos fazer o que este versículo nos ensina. Fazer o quê? Falar com Deus de três maneiras: a primeira maneira é a oração a segunda é a súplica, quando fazemos petições específicas, provenientes do nosso coração, para necessidades específicas e a terceira maneira são as ações de graças pelas petições que fazemos diante de Deus.

Enfim, devemos tornar tudo conhecido de Deus através destas três formas. Entretanto, nós não agimos assim se estamos cheios de ansiedade e carentes de alegria.

Como seria bom se colocássemos tudo o que enfrentamos, item por item, nas mãos de Deus! Mas se não agirmos assim, quando surgir a primeira dificuldade, nós a colocaremos sobre nós mesmos. Depois, virão a segunda e a terceira dificuldade e nós também as colocaremos sobre nós. É assim que o fardo vai ficando cada vez mais pesado e nós vamos ficando cada vez menos alegres.

A saída é “Em tudo, porém sejam conhecidas diante de Deus as vossas petições...” Por sermos cristãos, temos esta saída, porque temos o Senhor por perto! Orar é um privilégio do cristão. Nós podemos orar por grandes coisas ou por pequenas coisas, podemos orar por tudo! Podemos clamar por tudo que justifica nossa ansiedade e por tudo que pode causar em nós qualquer preocupação.

Podemos viver livres de todas ansiedade, mas não porque somos naturalmente otimistas, nem porque somos pessoas sem objetivos, que não têm encargo por nada. Somos livres da ansiedade porque temos Aquele em quem podemos confiar, e que carrega todo nosso fardo. É somente por isso que não ficaremos ansiosos de coisa alguma: porque a oração é nossa saída nosso Deus é a nossa saída!




Autor: Watchman Nee


Wink

gabii
Forista Golden
Forista Golden

Feminino Número de Mensagens : 1060
Idade : 23
Localização (Cidade/UF) : niteroi rj
Data de inscrição : 22/03/2008

Ver perfil do usuário http://www.assembleiadossantos.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Tempo da espera

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum